• Conversão obrigatória das ações ao portador em ações nominativas

    General contacts
    Conversão obrigatória das ações ao portador em ações nominativas
back / News Nos termos e para os efeitos do disposto na Lei n.º 15/2017 de 3 de maio e no Decreto-Lei n.º 123/2017, de 25 de setembro, quanto a este, nomeadamente o seu artigo 3º, informam-se os Senhores acionistas da sociedade DIKAMAR-INDÚSTRIA DE PROTECÇÃO DE CALÇADO, S.A.
19 out 2017

Nos termos e para os efeitos do disposto na Lei n.º 15/2017 de 3 de maio e no Decreto-Lei n.º 123/2017, de 25 de setembro, quanto a este, nomeadamente o seu artigo 3º, informam-se os Senhores acionistas da sociedade DIKAMAR-INDÚSTRIA DE PROTECÇÃO DE CALÇADO, S.A., com sede no Parque Industrial Manuel da Mota, freguesia  e concelho de Pombal, 3100-448 Pombal, com o capital social de € 580.000,00, matriculada na Conservatória do Registo Comercial de Pombal com o número único de matrícula e de identificação de pessoa coletiva 503542466, de que se encontra em curso o período transitório do processo de conversão obrigatória das ações ao portador em ações nominativas.

Por deliberação do Conselho de Administração, tomada no passado dia 11 de outubro de 2017, nos termos do disposto no artigo 2º, n.º 2 do Decreto-Lei n.º 123/2017, de 25 de setembro, e na Lei n.º 15/2017 de 3 de maio, o contrato de sociedade deixa de admitir a existência de ações ao portador, só admitindo a existência de ações nominativas.

 

Na sequência da referida deliberação estão sujeitas a conversão obrigatória em ações nominativas, todas as 580.000 (quinhentas e oitenta mil) ações ao portador, cada uma delas no valor nominal de um euro, representativas do capital social da sociedade.

 

Os titulares das ações sujeitas a conversão obrigatória deverão entregar os títulos representativos das suas ações, nas instalações da sociedade, até ao próximo dia 31/10/2017, para efeitos de substituição dos títulos em causa.

 

O pedido de inscrição das alterações ao contrato de sociedade e demais atos sujeitos a registo no registo comercial será apresentado no próximo dia 2 de novembro de 2017.

 

As ações ao portador não convertidas em nominativas até ao próximo dia 4 de novembro de 2017 não poderão ser transmitidas, apenas conferem legitimidade para a solicitação do registo a favor dos respetivos titulares, devendo ainda, no caso de ações ao portador tituladas, ser apresentados junto da sociedade os respetivos títulos para substituição ou alteração das respetivas menções, de modo a que opere a conversão.

 

Os titulares de ações ao portador não convertidas em nominativas até ao próximo dia 4 de novembro de 2017 verão suspenso o direito a participar em distribuição de resultados.

 

O montante correspondente aos dividendos, juros ou quaisquer outros rendimentos cujo pagamento se encontre suspenso será depositado em conta bancária em nome da sociedade, sendo posteriormente entregues aos acionistas aquando da respetiva conversão.

 

O Presidente do Conselho de Administração

 

Tilso Maza Diaz

 

Other news See also